FREI FERNANDO, VIDA , FÉ E POESIA

A vida, como dom, é uma linda poesia divina, declamemo-la ao Senhor!

Textos


PEQUENO SERMÃO DE CADA DIA (Lc 14,15-24)(06/11/18). 
 
Amados irmãos e irmãs, em uma de suas admoestações escreveu São Francisco de Assis: "Somos o que somos aos olhos de Deus e nada mais." De fato, nossa vida só tem sentido quando a vivemos para Deus, "Pois que aproveitará ao homem ganhar o mundo inteiro, se vier a perder a sua vida?" Ora, com isso entendemos que a vida é o maior tesouro que Deus nos deu, porém, poucos são aqueles que a sabem administrar com prudência e retidão. 
 
Na primeira leitura de hoje São Paulo nos exorta à seguirmos o exemplo de de Cristo Jesus que se fez obediente até a morte e morte de cruz; e assim, por esse seu amor incondicional, perdoou os nossos pecados e nos comunicou o dom do Espírito Santo como havia sido prometido por Deus, nosso Pai (cf. Jl 3,1-5).  
 
Com efeito, na parábola contada pelo Senhor no Evangelho de hoje, percebemos que aqueles que rejeitam o convite para o seu basquete nupcial, o fizeram porque puseram os seus interesses acima dos interesses divinos e por essa causa disso se indispuseram ao seu convite, mas Ele os substituiu pelos pobres, aleijados, cegos e coxos e até mesmo por aqueles que foram encontrados nos caminhos e atalhos da vida. 
 
Conclusão: Caríssimos, "muitos são os chamados, e poucos os escolhidos." Isto porque, “Quem põe a mão no arado e olha para trás não está apto para o reino de Deus.” (Lc 9,62). "Mas, aquele que a tudo renuncia por amor de mim e do Evangelho, disse o Senhor, terá a vida eterna." Portanto, felizes são aqueles que escutam a sua voz e o seguem fielmente. 
 
Paz e Bem!
 
Frei Fernando Maria OFMConv. 
Frei Fernando Maria
Enviado por Frei Fernando Maria em 06/11/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Favor citar a autoria de Frei Fernando,OFMConv. e o site: www.freifernando.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras